Cinquenta anos a cantar ao desafio!

Homenagem a José Gaudino Macedo Gonçalo

Por Daniel Amaral

Já ouvi dizer várias vezes que o Povo Açoriano possui dois grupos de genes extraordinários:  Genes da Música e Genes da Poesia.

Mas devemos notar ainda outra qualidade específica. É nos Açores que existe um maior número de Cantadores ao Desafio!  É preciso realmente ter uma inteligência rara, poética, espontânea e repentina, para de repente,   cantar e rimar ao mesmo tempo! Impressionante!

Hoje queremos homenagear um cantor afamado que começou a cantar ao desafio  quando tinha apenas nove  anos e aos doze já actuou num  palco a cantar ao desfio com  cantadores adultos.

O nosso homenageado  de hoje é  José Gaudino Macedo Gonçalo,  natural da Vila  da Povoação, Lomba do Carro e teve uma homenagem bem merecida e muito condigna, no sábado dia 18 de Abril de 2009, com a presença do Presidente daquela Vila, Dr. Francisco da Silva Alvares e ainda vários oficiais do Concelho da Povoação. Viu-se  rodeado de muitos familiares,  muitos amigos e ainda de outros  Colegas Cantadores ao Desafio. Foi uma festa retumbante que vai ficar na História da nossa Comunidade Luso-Americana da Nova Inglaterra.

 *******************************************

Biografia do José Gaudino Macedo Gonçalo

Colhida por Daniel Amaral e Luís Carreiro

José Gaudino, foi nascido no Concelho da Povoação, na Lomba do Carro a 6 de Março de 1948. Era filho de José Pimentel Gonçalo, e de Etelvira Macedo Gonçalo (Já falecidos).  Uma Família de seis filhos. Juvenália, José Gaudino, (O Homenageado) Maria dos Anjos, Gizelda, Virgínia e Fernando.

José Gaudino, é casado com Maria do Carmo Gonçalo (Carminha). Vieram  para os Estados Unidos em 18 de Junho de 1974. Têm um casal de filhos, ambos nascidos nos Estados Unidos: Steve e Milena. 

José Gaudino, ainda muito novo já improvisava.  O Pai era também cantador, Improvisador, das Mordomias do Espírito Santo, tanto na Lomba do Carro como em todo o Concelho da Povoação e muitas das vezes, ele e o pai cantavam juntos...

Contam os Familiares que já aos sete anos de idade, o José Gaudino, já tinha inclinação para cantar ao desafio...

No mesmo ano que ele começou na escola ... Um dia o José, depois de vir da escola e da brincadeira, ao chegar a casa, disse à Mãe que queria comer, que tinha muita fome... A Mãe lhe disse: Espera, que eu estou  fazendo um caldinho...Vai bebendo água que também mata a fome....  O José Gaudino disse à Mãe esta cantiguinha.

Não é com água da fonte            

Que a barriga fica cheia

É com o caldinho pronto

Que mamã tem pra a ceia.

Como já podem ver, quem  aos sete anos de idade, um rapazinho que ainda não sabia ler e fazia uma cantiga dessas, já se podia notar que o José já tinha inclinação para ser Cantador e Improvisador Poético...

Contam ainda os familiares que aos nove anos de idade, uma vez  na Lomba do Cavaleiro, o tio João Plácido cantava em frente da casa do Sr. José Rebelo, num peditório para a Igreja de Nossa Senhora Mãe de Deus o José Gaudino  disse que gostava também  de cantar.  O famoso Improvisador, Sr. João Plácido, da Lombinha da Maia, como sabia que o Gaudino era filho de José Gonçalo e sabendo que ele gostava de cantar, chamou-lhe para cantar com ele...

Aos 12 anos o Gaudino já subia aos palcos para cantar. E já se defendia como podia, dos grandes cantadores da época.

O Sr. João Plácido adorava cantar com José Gaudino.  Há uma cantiga que ficou na memória dos mais antigos... Uma vez na Achadinha, num peditório para a Igreja, num desafio, que eles cantaram os dois outra vez. O assunto foi acerca de farturas e de fome...Há uma cantiga do Gaudino assim...

Eu em casa mais os meus

Levamos a vida apertada

Come pouco e louve a Deus

Esta hora já está passada...

No Aniversário dos seus 50º anos a cantar, estiveram os melhores Improvisadores, da nossa Comunidade Portuguesa, que mostraram  o seu verdadeiro testemunho nesta merecida Homenagem, no sábado dia 18 de Abril de 2009.

O José Gaudino foi também homenageado no dia depois, a 19 do corrente no Convívio Povoacense, no restaurante “Venus de Milo” com uma Placa oferecida pelos Directores do 20º Convívio, em agradecimento, por ele ter sido também um dos Directores e Fundador deste Convívio  dos Amigos da Povoação já há 20 anos.

Estiveram nesta Homenagem os Cantadores mais famosos que se encontram na Nova Inglaterra: O Sr. José Barbosa, O Sr. Mário Silva, O Sr. Eduardo Papoila o Sr. Pedro Beleza, Como também o Sr. Vasco Aguiar e José Borges, que vieram do Canadá e da Flórida, e ainda como surpresa que nos trouxe  o Sr. Vasco Aguiar, trazendo consigo ainda o Sr. João Luís Mariano, um dos melhores improvisadores que se encontram neste momento na Ilha de São Miguel. Todos estes cantadores quiseram dar o seu verdadeiro testemunho, como grandes amigos, ao Cantador Improvisador Poético, José Gaudino, nesta merecida Homenagem Solene dos seus 50º Aniversário em companhia de todos os Dirigentes do 20º Convívio dos Naturais da Povoação e dos nossos Distintos Autarcas numa Comitiva dirigida pelo Popular Presidente do Concelho da Povoação, o Sr. Dr. Francisco da Silva Álvares, sua Esposa Isabel Cristina Álvares e ainda sua querida filhinha Carolina Álvares.

Também está aqui connosco o Sr. Francisco José Medeiros Raposo, Adjunto da Presidência da Câmara,  Sr. Dr. Mário Jorge Amaral, Presidente da Junta de Freguesia da Povoação e ainda Funcionário Superior das Finanças,  como também sua estimada Esposa e Lúcia e ainda sua querida filhinha Daniela.

O Sr. Manuel Francisco Carreiro Aguiar, Tesoureiro da Junta de Freguesia de Água-Retorta.  Junto sua estimada Esposa Luísa Aguiar.

A Sra. Graça Seródea, Secretária da Junta de Freguesia de Nossa Senhora dos Remédios.

Sr. António José Carvalho, Presidente da Assembleia da Freguesia do Vale das Furnas.

Sr. Gualberto da Costa Rita, Presidente da Junta de Freguesia das Ribeira Quente.

Temos ainda o Dr. José Manuel Bolieiro, o nosso Distinto Presidente da Assembleia Municipal da Povoação.